Notícias de última hora

Flamengo resiste à pressão do São Paulo e é tetracampeão da Copinha




O Flamengo é tetracampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Depois de vencerem a Copinha em 1990, 2011 e 2016, os rubros-negros repetiram a façanha no Pacaembu. Em boa atuação da dupla de zaga formada por Patrick e Matheus Dantas, os cariocas seguraram o ímpeto ofensivo do São Paulo e venceram, por 1 a 0, gol do centroavante Wendel nos minutos iniciais do duelo. 
Também apoiado pela sua torcida, que preencheu todo o setor do tobogã do estádio municipal, o Flamengo soube explorar o cansaço físico dos paulistas para levar a taça. Depois do gol relâmpago, a equipe do Rio de Janeiro trocou bons passes, permaneceu bem postada em campo e foi impenetrável no setor defensivo. 
Para ser campeão, o Flamengo eliminou Elosport, Coritiba, Audax, Avaí, Portuguesa e o São Paulo na final. O time encerra a Copinha invicto e tendo tomado apenas três gols em nove partidas. 
O goleiro Yago Darub fez alguns milagres durante os pouco mais de 90 minutos da partida. O jovem arqueiro rubro-negro foi o responsável pelo Tricolor não ter saído do zero na decisão. Foi bem pelo alto e também por baixo. Ao lado de Patrick e Matheus Dantas, Darub foi o destaque do Mengão na conquista do tetra da Copinha. 
Durante o primeiro tempo, alguns torcedores do São Paulo trocaram socos nas cadeiras do Pacaembu. O desentendimento aconteceu porque alguns tricolores queriam assistir o jogo sentados, enquanto outros torciam de pé. Depois de um diálogo exacerbado, um dos envolvidos na confusão acertou um chute nas costas de seu desafeto e pancadaria começou. A polícia chegou logo depois e levou os envolvidos. 
FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 0 X 1 FLAMENGO
Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data-Hora: 25/1/2018 - 10h
Árbitro: Lucas Canetto Bellote
Auxiliares: Paulo de Souza Amaral e Enderson Emanoel Turbiani da Silva
Público/renda: 30.794 pagantes/R$ 829.760,00
Cartões amarelos: Theo, Pepê, Yago e Hugo Moura (FLA)
Cartões vermelhos: - 
Gols: Wendel (Flamengo),
SÃO PAULO: Júnior; Tuta, Walce, Rodrigo e Bruno Dip (Gabriel Novaes, no intervalo); Luan, Liziero e Gabriel Sara (Fabinho); Igor, Toró (Oliveira) e Helinho (Antony). Técnico: André Jardine.
FLAMENGO: Yago; Bernardo (Aderlan) Dantas, Patrick e Pablo (Michael); Theo, Hugo Moura e Pepê (Patrick Valverde); Bill (Yuri), Lucas Silva e Wendel (Luis Henrique). Técnico: Maurício Souza. 

Nenhum comentário