Notícias de última hora

Neto nega que Wesley Safadão receberá cachê de R$ 1 mi para tocar no Réveillon


Depois de surgirem especulações de que o cantor Wesley Safadão receberá um cachê de R$ 1 milhão para tocar no Réveillon de Salvador, o prefeito ACM Neto (DEM) negou, na manhã desta terça-feira (28), a informação.
"Não é verdade. Isso é polêmica. Talvez, por questões que aconteceram no São João. Mas já disse isso e repito: todos os cachês serão pagos pela iniciativa privada, não terão recursos públicos. Então, essa polêmica aqui não cola", afirmou, em entrevista coletiva.
Durante os festejos juninos, o cantor se envolveu em uma polêmica após ter decisão judicial proibindo a prefeitura de Caruaru, no estado do Pernambuco, de pagar um cachê de R$ 517 mil por um show do artista. A medida foi revertida e o forrozeiro prometeu doar todo o valor para instituições de caridade da cidade.

Nenhum comentário