Notícias de última hora

Delegações confirmam período de adaptação em Salvador para Olimpíadas Rio 2016




Seleções Olímpicas do Brasil, Croácia e Cuba farão aclimatação em Salvador para as Olimpíadas Rio 2016, que acontecem de 3 a 21 de agosto, na cidade do Rio de janeiro. Croatas do polo aquático, judocas cubanos e as Seleções Brasileiras de nado sincronizado e do polo aquático confirmaram a adaptação dos atletas dessas modalidades, masculino e feminino, na capital baiana em busca do ouro olímpico na chamada cidade maravilhosa.
 
A informação foi passada pelo secretário do Trabalho e Esporte da Bahia, Álvaro Gomes, a cônsules e representantes de Embaixadas de 15 países que disputarão os jogos, durante apresentação dos preparativos do Governo do Estado nas áreas de mobilidade, segurança, saúde, cultura e turismo. Encontro aconteceu na quarta-feira 1º, no Espaço Crescer da Setre – no Centro Administrativo da Bahia.
 
Formada por 35 atletas, a delegação da Seleção de Judô de Cuba chega a Salvador no dia 17 de julho e fica até 4 de agosto. A escolha da capital baiana agradou em cheio ao Consulado Geral Cubano na Bahia. Já a Seleção da Croácia de polo aquático é a atual campeã olímpica.
 
“Não poderíamos escolher lugar melhor para a aclimação de nossos atletas, tanto pela gentileza das autoridades locais, quanto pela qualidade dos equipamentos”, salientou a consulesa geral da Ilha cubana, Laura Pujol.
 
O equipamento a que se refere a representante do governo de Havana no Estado é o Centro Pan-Americano de Judô (CPJ), localizado na Praia de Ipitanga, Lauro de Freitas, considerado um dos melhores do mundo na modalidade.
 
Por meio da decana do Corpo Consular da Bahia, Miriam Souza, e do representante do Itamaraty, embaixador Antônio Fernando Cruz de Melo, presentes ao encontro, o secretário Álvaro Gomes fez o convite a outras delegações estrangeiras a aclimatarem-se em Salvador. Há a possibilidade de italianos do polo aquático também aclimatarem na primeira capital do país.
 
CLIMA OLÍMPICO
 
“Nossa intenção é construir o clima olímpico na cidade, revelar e estimular a vocação dessa gente para o esporte e mostrar ao mundo nossos equipamentos, cultura e hospitalidade”, disse o titular da Setre, e coordenador do GTT - Grupo de Trabalho Técnico das Olimpíadas Rio 2016 na Bahia.
 
A qualidade da Nova Piscina Olímpica da Bahia também pesou na decisão da Seleção Brasileira de Nado Sincronizado, bem como de croatas do polo aquático, de realizarem os preparativos finais aos Jogos da Rio 2016 na capital baiana. O nado sincronizado olímpico brasileiro, em duetos e equipe, fez o espetáculo de inauguração do referido equipamento, em 28 de março último.
 
Além do Centro Pan-Americano de Judô (CPJ) e da Nova Piscina Olímpica da Bahia, outros três equipamentos em Salvador estarão a serviço dos atletas olímpicos: Arena Fonte Nova, Estádio Metropolitano de Pituaçu e o Estádio Manoel Barradas.
 
Única cidade do Norte e Nordeste envolvida com os Jogos Olímpicos, Salvador sediará 10 partidas de futebol da Rio 2016, masculino e feminino, no período de 4 a 13 de agosto. Serão quatro rodadas duplas e dois jogos pela 2ª fase do torneio. Destaque para México x Alemanha, atuais campeões olímpicos e mundiais de futebol, respectivamente, além do jogo do escrete canarinho, Brasil x Dinamarca.
 
Participaram do encontro cônsules e representantes de embaixadas de 15 países: Alemanha, Holanda, Portugal, Bélgica, Turquia, França, Estados Unidos, Japão, Finlândia, México, Cuba, Uruguai, Espanha, Grécia e Argentina.
 
Além de órgãos como Itamaraty, Agência Brasileira de Inteligência (ABIN), Polícia Federal, Marinha, Infraero, secretarias estaduais do Trabalho e Esporte, Administração, Saúde, Turismo, Desenvolvimento Urbano e Cultura, Sudesb e Prefeitura do Salvador.


Nenhum comentário