Notícias de última hora

Vitória quer triunfo sobre o América-MG para embalar no Brasileiro




O Vitória joga hoje à noite (25), em Belo Horizonte, contra a equipe do América-MG, às 21h, no Estádio Independência. Do lado adversário, algumas figuras conhecidas, como por exemplo, o técnico Givanildo Oliveira, que foi campeão baiano pelo rubro-negro em 2007. Além dele, jogadores como William Barbio e Rafael Bastos, ambos ex-atletas do Bahia.
 
O técnico Vagner Mancini já deve ter na cabeça a equipe que entra em campo logo mais. O time já está concentrado para partida. A boa noticia é o retorno do meia William Farias, que provavelmente inicia o jogo como titular. Guilherme Mattis contundido e Vander, suspenso, desfalcam o time. Zé Welison ou Norberto? E o substituto do Vander será Alípio, Tiago Real, Dagoberto ou Deivid? São dúvidas que serão esclarecidas momentos antes da partida. Confira os 20 relacionados:
 
Goleiros: Fernando Miguel e Wallace;
Laterais: Euller, Diego Renan e Norberto;
Zagueiros: Victor Ramos, Ramon e Kanu;
Volantes: Amaral, Marcelo, Willian Farias e Zé Welison;
Meias: Tiago Real, Alípio, Flávio e Leandro Domingues;
Atacantes: Kieza, Dagoberto, Marinho e David.
 
AMÉRICA-MG 
Única equipe que ainda não pontuou na Competição, a pressão já começa a rondar o time mineiro. Givanildo Oliveira relacionou 22 jogadores para a partida. As novidades são os atacantes Victor Rangel, e William Barbio (Ex-Bahia), que eram dúvidas. Com muitos desfalques e sem tempo para treinar, Givanildo deve repetir o time que enfrentou a Chapecoense, no domingo. O provável América-MG: João Ricardo; Hélder, Alison, Sueliton e Danilo; Leandro Guerreiro, Claudinei, Rafael Bastos e Ernandes; Tiago Luís e Sávio (Victor Rangel). Confira todos os relacionados: 
 
Goleiros: João Ricardo e Fernando Leal 
Zagueiros: Alison, Sueliton, Artur e Roger 
Laterais: Hélder e Danilo 
Volantes: Leandro Guerreiro, Claudinei, Juninho, Ernandes e Cristian. 
Meia: Rafael Bastos, Xavier, Tiago Luis. 
Atacantes: William Barbio, Sávio, Vitinho, Victor Rangel e Maranhão.  

Nenhum comentário