Notícias de última hora

Real e Atlético fazem clássico de Madri na final da Champions, hoje


     

A intimidade tem lados opostos. Na mesma medida em que um conhece os defeitos do outro, sabe também das virtudes. Na decisão da Liga dos Campeões da Europa, neste sábado (28), às 15h45, em Milão, Real Madrid e Atlético de Madrid fazem um duelo de vizinhos, em que as armas de cada um são bem conhecidas. Assim, é o detalhe que vai decidir quem terminará o clássico como campeão. A TV Bahia, Band e EI Maxx transmitem o jogo, que também poderá ser visto em salas de cinema dos shoppings Salvador e Bela Vista.
No Atlético, o clima é de não repetir os erros de dois anos atrás. Em Lisboa, os colchoneros venciam até o último minuto a decisão da Liga contra o mesmo Real, mas levaram um gol no último minuto. Na prorrogação, os merengues fizeram 4x1 e levaram sua décima conquista da competição.
“Isso nos dá mais vontade de ganhar, mais desejo de mudar a história, de escrever uma página na história do Atlético”, diz o centroavante Fernando Torres, sobre enfrentar o maior rival. Para o técnico Diego Simeone, o segredo dos colchoneros é manter a filosofia de jogo sempre. “O melhor desse grupo é que insiste, trabalha, se reinventa. Os jogadores mudam, mas não muda o sistema, a estrutura, o compromisso. Se você repetir, repetir e repetir, pode conseguir”, acredita. O Atlético nunca venceu a Liga dos Campeões em sua história.
Vontade No lado merengue, apesar de ter saído vitorioso em 2014, a sede de vencer não muda, segundo o capitão Sergio Ramos. “A final de Lisboa já passou. Deixou recordações muito bonitas, mas enfrento esta final como se nunca tivesse ganho nenhuma Liga dos Campeões. Tenho a mesma fome e a mesma vontade”, diz o zagueiro.
O Real terá força máxima, ou seja, Cristiano Ronaldo que era dúvida, estará em campo. “Ele tinha um pouco de incômodo, mas está 100%. Ainda mais jogando uma final. Acho que ele está bem. Amanhã (hoje) estará 100%”, garante o técnico Zinedine Zidane.

Nenhum comentário