Notícias de última hora

Bahia negocia com laboratório coreano teste rápido para detectar Zika


 

     O Governo do Estado da Bahia tem parceria com um laboratório coreano para produzir um teste rápido que visa detectar o Zika Vírus, febre chikungunya e dengue, doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti. A Secretaria de Saúde do Estado revelou ao Bocão News, que o teste deve ser implementado na Bahia de 30 a 90 dias, prazo que a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) tem para autorizar. Ainda segundo o órgão, o resultado do teste será em 20 minutos.
 
    Atualmente a Bahia já faz o exame que detecta o Zika vírus, porém o resultado demora cinco horas. O teste identifica o vírus no sangue, já este que será implantado em breve, procura o anticorpo do vírus. Em São Paulo, já vai iniciar na próxima segunda-feira (15), os testes rápidos para confirmação do zika, em Campinas (SP). O resultado, no entanto, fica pronto em cinco horas. 
 
    Segundo o último boletim da Sesab, em 2015, foram notificados 69.043 casos suspeitos de Zika, 26.738 casos suspeitos de Chikungunya e 55.432 casos prováveis* de dengue no estado da Bahia, representando uma incidência de 456,44 casos/100.000habitantes.  
 
 
Operação Força Amiga
 
    As Forças Armadas juntamente com os municípios e o governo estadual iniciam, neste sábado (13), a Operação Força Amiga para combater o mosquito Aedes aegypti - transmissor de doenças como Dengue, Zika Vírus e Chikungunya -  no Estado da Bahia. A ação teve início no período de 29 de janeiro a 4 de fevereiro, com um mutirão de limpeza nas organizações militares.  

Nenhum comentário