Notícias de última hora

Salvador é 10ª capital mais violenta para as mulheres

Salvador é a cidade que ocupa a décima posição do ranking das capitais do Brasil mais violentas para as mulheres em 2013. O dado faz parte do Mapa da Violência 2015 - Homicídios de Mulheres, produzido pela Flacso (Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais) e divulgado nesta segunda-feira (9).
De acordo com o estudo, a cidade registrou uma taxa de 7,9 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes. A taxa é quase quatro vezes maior que a média mundial, que é de 2/100 mil.
A capital que lidera o ranking é Vitória, Espirito Santo.  Segundo o estudo, a capital capixaba registrou uma taxa de 11,8 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes. A taxa é quase seis vezes maior que a média mundial, que é de 2/100 mil habitantes. Em seguida aparece Maceió (AL), que ocupa a segunda posição no ranking das capitais mais violentas. A capital alagoana registrou uma taxa de 10,7 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes.
A capital paraibana, João Pessoa ocupa a terceira posição no ranking das capitais brasileiras mais violentas para mulheres. A cidade registrou uma taxa de 10,5 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes.  Em seguida vem Fortaleza (CE) na quarta colocação no ranking. São 10,4 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes. Goiânia (GO) ocupa a quinta colocação. São 9,6 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes.
Palmas (TO) é sexta cidade mais violentas do Brasil para mulheres em 2013, com uma taxa de 9,5 homicídios de mulheres para 100 mil habitantes.  Porto Velho (RO) ocupa a sétima posição no ranking. A cidade registrou uma taxa de 9,5 homicídios. Boa Vista (RR) ocupa a oitava posição no ranking das capitais do Brasil mais violentas para mulheres em 2013, de acordo com o estudo Mapa da Violência 2015. De acordo com o estudo, a cidade registrou uma taxa de 9,1 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes. A taxa é mais de quatro vezes maior que a média mundial, que é de 2/100 mil 
A capital do Acre, Rio Branco ocupa a nona posição no ranking das capitais mais violentas do Brasil para mulheres em 2013. De acordo com o estudo, a cidade registrou uma taxa de 8,8 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes.

Nenhum comentário