Notícias de última hora

Na BA, 38% de candidatos ao Enem não acessaram cartão de inscrição

Cartão de inscrição informa onde candidato vai fazer a prova (Foto: Reprodução/Inep)

Cerca de 38% dos mais 580 mil inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na Bahia ainda não visualizaram o cartão que informa o local das provas. Até as 12h da terça-feira (13), horário da última atualização, 220.713 inscritos no estado não haviam conferido os dados individuais no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).Os cartões de inscrição estão disponíveis no endereço enem.inep.gov.br/participante. Para verificar as informações é necessário informar o número do CPF e senha. Por meio da página, os inscritos podem conferir, além do local da provas, dados pessoais e a opção de língua estrangeira escolhida (inglês ou espanhol).
Nacionalmente, até as 8h desta quarta, o sistema registrava 4.748.679 acessos de participantes ao cartão, o que representa 61% do total de 7.746.118 de inscritos. Os participantes do estado do Ceará lideram proporcionalmente em visualizações (73%), seguido da Paraíba, Rio de Janeiro e Alagoas (69%).
Dentre os estado com os menores percentuais de visualização estão Roraima (52%), Amazonas (55%) , Amapá (55%). A Bahia, que tem o terceiro maior número de inscrições do país, está na 11ª colocação entre os 26 estados do país e o Distrito Federal.
O cartão de confirmação do Enem não precisa ser apresentado no dia das provas; é recomendável, porém, que o candidato o leve junto, porque ele tem todos os detalhes sobre o local de prova, incluindo o endereço, o nome da escola, o andar e o número da sala.
Cartão só pela web
Neste ano, pela primeira vez, o Ministério da Educação não vai encaminhar a versão impressa pelos Correios. O exame tem 7.746.118 inscritos e será aplicado nos dias 24 e 25 de outubro. Outra novidade é que o candidato poderá salvar o cartão em seu computador no primeiro acesso para não ter de voltar ao sistema.
A recomendação do MEC é para que os candidatos visitem o local dias antes do Enem, para evitar imprevistos. No Twitter, participantes do Enem usaram as redes sociais para criticar e elogiar as escolhas dos locais de prova. Como regra, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) busca colocar os alunos em escolas a até 30 km da residência do candidato.

Nenhum comentário