Notícias de última hora

VIGILÂNCIA SANITÁRIA DE ITABUNA VAI REGULARIZAR COMÉRCIO DE PRODUTOS DE LIMPEZA

A Divisão Vigilância Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde (Visa) está coordenando o processo de regularização da produção e comercialização de detergentes e desinfetantes amplamente usados em Itabuna para limpeza de casas, escritórios, consultórios, clínicas e hospitais. O objetivo garantir a eficácia dos produtos de limpeza e a segurança do consumidor, adotando medidas para proteger, principalmente crianças nos oito primeiros anos de vida.
Vigilância Sanitária de Itabuna vai regularizar comércio de produtos de limpeza - Foto Pedro Augusto  2
Vigilância Sanitária de Itabuna vai regularizar comércio de produtos de limpeza
Os detalhes sobre as medidas que serão adotadas pelo município para evitar que os chamados saneantes (produtos de limpeza e higiene) continuem sendo comercializados em desacordo com a legislação federal vigente foram debatidos nesta sexta-feira, no plenário da Câmara de Vereadores, por técnicos da Visa, bioquímicos e empresários de Itabuna.
Desde o ano passado que o município vem orientando os fabricantes a fazer o registro dos produtos na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e contratar responsáveis técnicos por sua produção. Hoje, os empresários foram submetidos a um questionário elaborado pela Vigilância Sanitária, que busca identificar com quais produtos trabalham, como fazem a manipulação ou ainda se são somente revendedores de grandes indústrias.
Vigilância Sanitária de Itabuna vai regularizar comércio de produtos de limpeza - Foto Pedro Augusto  1
Vigilância Sanitária de Itabuna vai regularizar comércio de produtos de limpeza
Os técnicos do município também discutiram com os empresários a legislação federal e as normas da ANVISA que regulamentam a produção, manipulação e comercialização dos saneantes. "Neste momento, estamos realizando ações educativas e buscando a regularização das empresas que atuam nesse ramo. Os empresários contarão com prazo e nosso suporte para cumprir as exigências legais. Aqueles que não quiserem respeitar a lei, não vão continuar colocando em risco à saúde dos consumidores", explica o coordenador da Visa, Antônio Carlos Carvalho.
Riscos à saúde
Antônio Carvalho explica que, no segundo momento, serão convocados também os pequenos fabricantes de detergentes, que comercializam produtos de porta em porta nos bairros e centro da cidade. Ele lembra que esses produtos são vendidos aos consumidores, sem rótulo, em embalagens PET, sem nenhuma informação sobre a composição, o que aumenta os riscos à saúde de quem vai usá-los no dia a dia.
Vigilância Sanitária de Itabuna vai regularizar comércio de produtos de limpeza - Foto Pedro Augusto  3
Vigilância Sanitária de Itabuna vai regularizar comércio de produtos de limpeza
De com o coordenador municipal da Visa esses produtos estão entre os principais causadores de acidentes em Itabuna, principalmente envolvendo crianças que são atraídas pela cor e embalagens usadas para refrigerantes. Os desinfetantes são fabricados nas cores laranja e uva. "As embalagens PET não devem ser reaproveitadas pelos fabricantes de produtos de limpeza e higiene. Isso é totalmente proibido pela legislação exatamente para proteger a saúde das pessoas e os riscos a que ficam expostas as crianças", destaca Carvalho.
O coordenador da Visa alerta ainda que, ao comprar um desses desinfetantes na porta de casa, o consumidor está sendo enganado porque o produto não ajuda na limpeza, pois é composto apenas por água, aromatizantes e anilina de acordo análises laboratoriais. As pessoas que produzem estes saneantes não serão impedidas de trabalhar, desde que regularizem a situação no prazo estabelecido pelo município. Segundo a ANVISA, os produtos saneantes irregulares estão entre os principais acidentes domésticos no País.

Nenhum comentário