Notícias de última hora

Violência: Jequié registra oito assassinatos e três baleados em 48h


Mortes assuntam população jequieense
Desde a noite da última sexta-feira (28) até a noite deste domingo (30), o município de Jequié, no sul baiano, registrou oito homicídios e três tentativas de assassinato. O último registro foi no final da tarde deste domingo, quando Beatriz Cavalcanti dos Santos, de 19 anos, foi morta a tiros próximo à Avenida dos Operários. De acordo com sites da região, três pessoas foram baleadas e internadas no Hospital Geral Prado Valadares (HGPV). Ainda não há informações do estado de saúde dos atingidos.
O deputado estadual Leur Lomanto Jr. (PMDB), em nota enviada à imprensa na manhã desta segunda (31), questionou a política de segurança pública do Estado e criticou o que chamou de “falta de iniciativa do governo” no combate a criminalidade na cidade e em toda a região do Vale do Rio de Contas. “É grave a falta de atenção do governo em Jequié. Esperou chegar a essa situação de caos para convocar somente, ontem, a presença de mais policiais na cidade. Mas, a pergunta continua: ‘Quantos mais vão precisar morrer pra que essa gestão apresente medidas mais eficientes com uma política efetiva de combate ao crime em Jequié e municípios circunvizinhos?”, questionou o peemedebista. O parlamentar voltou a defender a implantação da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe), na cidade, como iniciativa de repressão e patrulhamento tático contra a violência.
Na manhã desta segunda, a administração estadual informou que um helicóptero do Grupamento Aéreo da PM (Graer) foi deslocado para Jequié. O grupo irá se juntar aos efetivos da Cipe Sudoeste, que também foram enviados à cidade, além de policiais do 19º Batalhão PM e 9ª Coorpin.

Governador caminha nesta segunda por ruas do Lobato com vereadores e pré-candidatos a prefeito de Salvador
O governador Rui Costa ainda não comentou sobre o caso. O líder baiano caminha nesta manhã por bairros periféricos de Salvador, acompanhado de vereadores soteropolitanos e de pré-candidatos a prefeito da capital baiana. Rui foi ao Lobato assinar ordem de serviço para construção de encostas, recursos oriundos dos cofres da União. Na semana passada, a oposição acusou o chefe do Poder Executivo estadual de armar palanque em Salvador, com vistas às eleições de 2016, e "esquecer" o interior do estado.

Nenhum comentário