Notícias de última hora

Professora que fez sexo com alunos e engravidou de um deles é condenada a prisão

Uma professora acusada de fazer sexo com três alunos e engravidar de um deles foi condenada a 22 anos de prisão na última quinta-feira (2), na Flórida, nos Estados Unidos. Os casos eram mantidos em segredo até que os pais de um dos garotos flagraram mensagens picantes trocadas entre a professora e o aluno, que tinha acabado de completar 17 anos.
 
A professora identificada como Jennifer Fichter forçou os garotos a mentir para seus pais sobre os encontros ilegais. Ela também usou nomes fictícios nas mensagens para tentar encobrir seus crimes sexuais. Disse, ainda, ter se apaixonado por um dos alunos com quem saiu. Meses depois, apareceu grávida do adolescente para espanto dos pais do menino. A professora confessou ter engravidado, mas abortou.
 
Fichter foi presa em abril 2014 após os pais do aluno a denunciarem à polícia. Os dois se encontravam no carro da professora e num estacionamento vazio para o ato sexual. Foi durante as investigações do primeiro romance que a polícia descobriu que ela também mantinha relações sexuais com os outros dois estudantes. Uma das relações teria acontecido no telhado da própria escola onde dava aula.
 
No julgamento, a professora Fichter chorou, pediu perdão, dizendo que se arrepende profundamente das festinhas com os alunos. "Se eu pudesse voltar atrás, não faria o que eu fiz", disse.

Nenhum comentário