Notícias de última hora

Quatro são presos pela Polícia Federal por fraude no INSS

Quatro estados do Brasil, mais o Distrito Federal, estão na mira da Polícia Federal em investigações. A políticia deflagrou operação que visa desarticular uma organização criminosa que cometia fraudes contra o INSS. As cifras do prejuízo chegou a R$ 31 milhões. De acordo com informações divulgadas, se todos os fraudadores recebessem seus benefícios indevidamente até a expectativa de vida de cada um, o rombo poderia chegar a cerca de R$ 170 milhões.
 
Até as 10h20, três mandados de prisão temporária haviam sido cumpridos. Outras três pessoas foram presas em flagrante durante a operação, por porte ilegal de arma. A PF não informou onde ocorreram as prisões. Cerca de 300 policiais federais cumprem, ao todo, 78 mandados de busca e apreensão, quatro de prisão temporária e 70 de condução coercitiva – quando o suspeito é levado para a delegacia para prestar depoimento. Também participam da ação 60 servidores da Previdência Social.

Nenhum comentário